skip to Main Content
Tipos De SSD

Tipos de SSD

Hoje, vamos falar sobre os tipos de SSD existentes atualmente no mercado.  Começaremos explicando a “sopa de letrinhas” que você pode ouvir falar: SLC, MLC, TLC e QLC.  Basicamente essa é a ordem de disponibilização dessas tecnologias no mercado.  S = Single, M = Multiple, T = Triple e Q = Quad.  As duas letras finais são Level Cell.

Façamos um breve parênteses para explicar que diferente dos discos tradicionais (5,4k, 7,2k, 10k e 15k) existentes no mercado, os SSD gravam os dados em chips de memória não voláteis, ou seja, mesmo quando o computador é desligado não há perda das informações gravadas.  Simplificando bastante, esses chips possuem células onde são gravados os dados.

Os drives SLC gravam apenas 1 bit por célula. MLC gravam 2. Discos TLC gravam 3 bits por célula. Já drives QLC, quatro.  E por aí vai.  Já existe tecnologia, mas ainda não amplamente difundida para drives PLC (Penta), ou seja, 5 bits por célula.

Por fim, quais as vantagens e desvantagens de cada um deles?  Novamente, simplificando bastante a conversa, quanto mais bits por células, maior a capacidade do SSD.  Sendo assim, discos QLC conseguimos maiores capacidades.  Já nos SLC ganhamos em velocidade de escrita e leitura, além da durabilidade dele que é bem maior que os QLC.

Resumindo, análogo aos discos rotacionais, quanto maior a capacidade, mais “lento” o disco, se é que dá para chamar qualquer SSD de lento.  Quer performance e durabilidade, siga ao máximo aos SLCs, mas perca em capacidade.

E agora que você já conhece os tipos de SSD existentes no mercado, que tal entender melhor as tecnologias de armazenamento oferecidas com os discos SSD e rotacional? Confira o nosso artigo sobre qual tipo de Storage devo usar.

Quer mais informações? Fale com a gente! 😊

Back To Top